O consagrado balé será encenado na próxima terça-feira (18) em Vitória com a participação de bailarinos do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e a Camerata Sesi, sob a regência do maestro Leonardo David.

Temos uma novidade que vai encantar os capixabas: pela primeira vez no Espírito Santo “O Lago dos Cisnes” com a Orquestra Camerata Sesi e a Companhia da Escola de Dança Maria Olenewa, do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

O maior clássico de todos os tempos chega a Vitória na próxima terça-feira (18). O espetáculo será encenado às 20 horas no Ginásio do Sesi, em Jardim da Penha.

O Lago dos Cisnes, obra do compositor russo Tchaikovsky, será executada pelo Corpo de Baile da Escola de Dança Maria Olenewa, e pelos primeiros bailarinos do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, Claudia Mota e Filipe Moreira, que vão se apresentar pela primeira vez no Espírito Santo. O balé vai dividir o palco com a Orquestra Camerata Sesi, sob a regência do Maestro Leonardo David.

O espetáculo é uma parceria entre Sesi-ES e Teatro Municipal do Rio de Janeiro, orquestrada pelo gerente de Cultura do Sesi, Marcelo Lages, que foi bailarino do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e é um coreógrafo consagrado internacionalmente.

“O espetáculo é inédito. É a primeira vez que teremos a apresentação do clássico O Lago dos Cisnes aqui no Espírito Santo com orquestra e balé. Esse evento é uma grande realização para o Sesi-ES. Desde o ano passado, queremos trazer grandes obras para o Estado. Nossa dificuldade era em encontrar um local apropriado, além de ser um balé muito técnico com necessidades técnicas muito específicas. Então aceitamos o desafio de inovar e trazer O Lago dos Cisnes para o Espírito Santo. Para isso, estamos preparando toda a estrutura do Ginásio do Sesi Jardim da Penha para receber esse maravilhoso espetáculo que vai reunir um público de mais de 1 mil pessoas”, disse Marcelo Lages, gerente de Cultura do Sesi.

Depois de Vitória, será a vez dos cariocas prestigiarem o espetáculo, dias 22 e 23 de junho, no palco do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, com a Camerata Sesi brilhando fora do Espírito Santo.

Ingressos

Os ingressos na bilheteria do Teatro do Sesi estão esgotados, mas ainda podem ser adquiridos na Duetto Arte e Movimento, em Vitória, e Balé da Ilha, em Vila Velha. Os valores variam de R$30,00 inteira (arquibancada) e R$15,00 meia entrada/ R$40,00 inteira (pista com cadeiras) e R$20,00 meia entrada.

Lembrando que todos os colaboradores do Sistema Findes e também os trabalhadores da indústria têm direito a meia entrada nos nossos espetáculos. Não percam!

Espetáculo

O famoso balé clássico, o Lago dos Cisnes, mesmo sendo uma obra erudita, vem se popularizando desde o fim do século XIX, com reverberações no cinema e em desenhos. Como um símbolo do gênero balé clássico no mundo da dança e no imaginário popular, o espetáculo é representado pela bailarina com pernas e braços alongados, com saiote armado (o Cisne Branco).

O Lago dos Cisnes é um balé com música especialmente composta por Tchaikovsky que estreou em 1877 no Teatro Bolshoi. No entanto, somente em 1895, com nova coreografia de Marius Petipa e Lev Ivanov, para o Teatro Mariinsky, em São Petersburgo, se tornou um enorme sucesso.

A obra é dançada com grande sucesso pelas principais companhias do mundo, desde o final do século XIX. Além de marcar presença no cinema, a exemplo do filme Cisne Negro, com Natalie Portman, que ganhou um Oscar pelo trabalho e também com uma versão em desenho, da boneca Barbie.

Serviço:

TAS Dança – O Lago dos Cisnes

Data: 18 de junho

Horário: 20 horas

Local: Ginásio Sesi Jardim da Penha, Vitória

Ingressos: R$30,00 inteira (arquibancada) e R$15,00 meia entrada/ R$40,00 inteira (pista com cadeiras) e R$20,00 meia entrada.

Locais de vendas: Bilheteria do Teatro Sesi Jardim da Penha; Duetto Arte e Movimento; Balé da Ilha – Vila Velha; Picpay @olagodoscisnesvix

 

* Por Thaíssa Dilly, com informações de Ivana Passos (Sesi Cultura).

Imprimir